TOPO

Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” conquista Antena Gesac!

O Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” conquista a Antena Gesac, foram anos de insistência e labuta, agora teremos mais um instrumento para a valoração da cultura cabocla quilombola do Vale do Ribeira.

Sr. Roberto Carlos foi o técnico, que junto a alguns participantes do Ponto de Cultura, Claudionor, Val, Paulo, Jaques, João Vitor, Maria, Sr. João Motta, Jamil e Maria Titi, entre outros, instalaram a Antena Gesac. Agradecemos à [email protected] pelo trabalho e concretização deste sonho.

Agradecemos às pessoas que durante estes dois anos e meio contribuíram para sua efetivação, a todas as  pessoas que acreditaram ser possível, a Fernando Avena (que realizou o primeiro passo). Obrigado!

Ponto de Cultura “Coisas da Prosa”

 

Coisas da ProsaDia 22 de novembro – montagem

Coisas da prosaMaria Titi e Claudionor contribuíram na montagem da Antena Gesac – dia 22-11-2013

 

Coisas da ProsaDona Maria, Sr. João Motta e João Vitor

Coisas da Prosa

Paulo, participando da instalação da Antena Gesac – 23-11-13

Coisas da ProsaJamil, Val e Jaques instalando a base da Antena Gesac – 23-11-13

 

Coisas da ProsaVal contribui para a instalação da nossa Antena Gesac – 23 de novembro 2013

Coisas da ProsaJoão Vitor inaugura o Ponto de Internet – 23-11-13

 

Coisas da ProsaEquipe do Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” reinstalando os sistemas operacionais (Ubuntu)  24-11-2013

 

 

 

 

Leia mais
TOPO

Saiu na Mídia – II Audiência Pública das Comunidades Tradicionais de Iporanga

 A II Audiência Pública das Comunidades Tradicionais de Iporanga foi noticia nos jornais e TV da região.

As Comunidades Tradicionais de Iporanga agradecem ao apoio.

 

 

Coisas da Prosa

Jornal “Apiaí Tem”

Coisas da ProsaJornal “O Expresso”

TV Tribuna – Jornal – 30-10-2013

http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/10/quilombolas-fazem-reuniao-em-iporanga-sp-e-cobram-melhorias

 

 

 

 

Leia mais
TOPO

Ata da II Audiência Pública das Comunidades Tradicionais de Iporanga – dia 30 de outubro 2013

Coisas da Prosa

 

A II Audiência Pública das Comunidades Tradicionais de Iporanga aconteceu no dia 30 de outubro de 2013, no Salão Paroquial em Iporanga, participaram as comunidades caboclas do Bairro Ribeirão dos Camargo e Bairro Serra, e as comunidades Quilombolas dos Bairros Porto Velho, Bombas, Praia Grande, Maria Rosa, Porto Pilões, Piririca, Jurumirim e Nhunguara todos de Iporanga, e representantes das comunidades quilombolas dom Engenho e André Lopes de Eldorado. Instituições participantes: Incra, Defensoria da União, Itesp, Defensoria Pública do Estado de São Paulo-Núcleo Registro, Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo, Prefeitura de Iporanga e Camara Municipal de Iporanga.

 

AtaIIAPIporanga-Pronta-07-11

 

Curta metragem apresentado na II Audiência Pública das Comunidades Tradicionais de Iporanga

 

Veja o que saiu na mídia:

TV Tribuna

http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/10/quilombolas-fazem-reuniao-em-iporanga-sp-e-cobram-melhorias

Leia mais
TOPO

Laurindo Gomes… Presente!

LAURINDO GOMES

– Quilombo de Praia Grande –

– Iporanga/SP –

Laurindo Gomes, sua história se mistura com a história de lutas das comunidades tradicionais do Vale do Ribeira, são 2 anos e 8 meses sem Laurindo Gomes. A nossa luta continua… pelos direitos aos territórios tradicionais, reconhecimento oficial das comunidades caboclas e quilombolas.A omissão do Estado continua gerando violência nas comunidades tradicionais do Vale do Ribeira.

Laurindo Gomes – Você está presente no nosso dia a dia.

 

Curta metragem – Laurindo Gomes –

 

 

Leia mais
TOPO

Fundo Permanente do Coletivo das Comunidades Tradicionais do Alto Vale do Ribeira

O Fundo Permanente do Coletivo das Comunidades Tradicionais do Alto Vale do Ribeira, se destina a garantir a estrutura para a articulação e mobilização do coletivo, na luta pela garantia de direitos, como o reconhecimento oficial dos territórios tradicionais caboclos e quilombolas, pelo reconhecimento do papel destas comunidades como as verdadeiras guardiãs do Bioma Mata Atlântica. Os direitos sociais a agua, a energia, estradas, educação e saúde e o Meio Ambiente com Gente!

Coisas da Prosa

O Fundo contribuirá na efetivação destas estratégias e ações deliberadas pelas comunidades tradicionais.  O Fundo será gerenciado pelo coletivo, formado pelas entidades, Prosa na Serra, Associações Quilombolas de Porto Velho, Porto Pilões, Maria Rosa, Associações Cabocla do Ribeirão dos Camargo e Bairro Serra.

FUNDO PERMANENTE DO COLETIVO DAS COMUNIDADES TRADICIONAIS

DO ALTO VALE DO RIBEIRA

Banco do Brasil

Agência 3637-4

Conta Corrente no. 23.725-6

Seja solidário à luta das comunidades tradicionais do Vale do Ribeira.

Contribua!

 

 

 

 

Leia mais