TOPO

Equipe de Audiovisual do Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” lança o curta “Descendo de bóia – Rio Bethary”

O “rio de nossa aldeia” – Bethary – com suas águas cristalinas, faz parte do dia a dia da comunidade, e gerou um esporte em suas águas, o “aqua raids”. As crianças e jovens do Bairro Serra e de Iporanga, utilizavam os troncos de bananeiras para descer a forte correnteza. Nos anos 80, o Sr. Mateus iniciou o “aqua raids”, a corrida de bóias (amarradas de uma maneira que facilita a descida). Desde lá as crianças, jovens e adultos descem o rio com uma facilidade invejável, em alguns lugares chegam a subir o rio…
Com o aumento do turismo em nossa região a descida de bóia passou a ser um ganho da comunidade, e passou a chamar-se de bóia-cross (nome dado por frequentadores de Jundiaí). Este curta mostra um pouco a habilidade de nossas crianças e adolescentes.

Leia mais
TOPO

IV Roda de Viola do Bairro Serra – Bairro Serra – Iporanga/SP – 13, 14 e 15 de julho 2012

A IV Roda de Viola é uma festa, uma junção de pessoas, de pensares e ações. A partir do dia 13 de julho a Serra virou um território da viola, tendo seu mestre Gervásio Claro encantando tudo e todos.  Beno e Chita, nossa dupla do Bairro Serra, Jovino Donisete, Levi Ramiro e Milton Araujo, celebraram a cultura brasileira numa fogueira de estilos e de saberes. O Grupo Batucajé do Vale fez uma homenagem a Laurindo Gomes (Quilombo Praia Grande – desaparecido desde fevereiro de 2011),  Laurindo Gomes Presente!

Gervasio Claro, Beno e Chita – 13 de julho de 2012

 

 

Grupo Batucaje do Vale – Miracatu/SP

 

Batucaje do Vale

 

Jovino Donizete – São Paulo/SP

 

Levi Ramiro

 

 

Levi Ramiro e Jovino Donizete

 

Milton Araujo e Levi Ramito

 

Milton Araujo – Santo André/SP e Levi Ramiro – Pirajuí/SP

 

IV Roda de Viola do Bairro Serra – 13 de julho – Bairro Serra/Iporanga-SP

 

A IV Roda de Viola do Bairro Serra tem como prioridade a troca de conhecimentos e sempre uma boa prosa segue por cumplicidades nos sonhos…

Prosa no quintal

 

Julio Cesar – mestre das palavras e Victor Gulin arte na viola

 

Levi Ramiro artesão da viola

 

Gervasio Claro e Alaor Diniz – Bairro Serra – Iporanga/SP

 

Proseando na Roda de Viola

 

Grupo Manema, Victor Gulin e Levi Ramiro – proseando!

 

prosa lá em casa…

 

 

A riqueza cultural deste pedacinho do Estado de São Paulo é impar, a IV Roda de Viola do Bairro trouxe a dança da Nhá Maruca  da Comunidade Quilombola de Sapatu Eldorado/SP.  Esse patrimônio cultural traz a força cultural das comunidades tradicionais do Vale do Ribeira. A dança Nha Maruca é uma espécie de fandango batido, onde os homens sapateiam com os tradicionais tamancos de madeira ao som da viola.

Nhá Maruca – Quilombo Sapatu/Eldorado-SP

 

Nhá Maruca – Quilombo Sapatu/Eldorado-SP

 

Nhá Maruca – Quilombo Sapatu/Eldorado-SP

 

Nhá Maruca

 

 

E a viola vai soando suas possibilidades… Rainer Brito com sua viola dinâmica… Rogerio Gulin e sua sonoridade de mestre clássico/ contemporâneo, Victor Gulin com toda a leveza de menino brincando nos sons da viola, e Gervásio Claro mestre aprendiz, experimentando de tudo e tocando no cerne de nossos sentires.

Rainer Brito – Votorantim/SP

 

Rainer Brito e Levi Ramiro

 

Rogerio Gulin – acústico

 

Rogerio Gulin – Curitiba-PR

 

Rogerio Gulin

Victor Gulin – Curitiba/PR

Viva a cultura brasileira!

 

Gervásio Claro – mestre violeiro – comunidade Tudo/Iporanga-SP

 

Gervásio Claro e Levi Ramiro

 

Beno e Rogério Gulin

 

Beno e Chita – Bairro Serra/Iporanga-SP

 

A Prosa na Serra, no Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” trabalha na valorização da cultura tradicional de nosso Vale do Ribeira, e a Roda de Viola é uma ação cultural para fortalecer estes laços, este ano fomos presenteados com a presença do Grupo Manema – Peruíbe/SP, jovens caiçaras de Peruíbe e Iguape que utilizam de sua arte para este fortalecimento. Manema é o nome dado a um tipo de farinha de mandioca na região.

 

Cleiton – Grupo Manema/Peruíbe-SP

 

 

 

Grupo Manema – Peruíbe/SP

A IV Roda de Viola do Bairro Serra é formação, é aprendizado, e neste ano realizamos a documentação audiovisual de forma conjunta, as crianças e jovens do Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” exercitaram sua arte  fotografando e filmando, tendo na coordenação Guilherme e Érica do Ponto de Cultura “Pilar do Sul” e “Ponto de Mídia Livre”.

Lucas – Cineasta

 

 

 

Luiz Paulo e Juliano – nossos cineastas/fotografos

 

 

 

Érica – São Paulo/SP

 

Érica e Guilherme – Ponto de Cultura “Pilar do Sul” e Ponto “Mídia Livre”

 

A II Viola com Rapadura – festival de interpretação de músicas raízes trouxe para a Serra participantes de outros bairros de Iporanga e do município de Itaoca.

Ana – São Paulo/SP – jurada da II Viola e Rapadura – festival de interpretação de músicas raízes.

 

Compadre Ernesto – Belgica – jurado da II Viola e Rapadura.

 

Milton Araújo – Santo André/SP – jurado II Viola e Rapadura.

 

Sr. Ditinho, Riquinho e Tatu – Iporanga/SP – 3o. lugar

 

Sr. Mindo – Iporanga/SP – 2o. lugar

 

Silvinha e Claudio – Quilombo Porto Pilões/Iporanga-SP         1o. lugar

 

Este ano a IV Roda de Viola homenageou Nhô Mano, caboclo do Bairro Serra que com seu sorriso diário nos fez mais feliz. Talita sua neta cantou em sua homenagem… Viva Nhô Mano – sempre estará em nossas ações…

Talita e Gervásio

 

 

 

 

 

A IV Roda de Viola do Bairro Serra trouxe a culinária cabocla, na Feira Comunitária – Tráfico de Cultura, sabores e muita prosa… Agradecimentos à todos os participantes da Feira por tornar nossa Roda de Viola mais saborosa…

 

Zeni e Vilme – Feira Comunitária

 

Ilse e Dionisia – Feira Comunitária

 

 

 

Dionísio, Ilse – Feira Comunitária

 

 

 

 

Gervásio Claro, suas filhas e Talita encerram a IV Roda de Viola… Mestre e aprendizes… num caminhar conjunto pelo fortalecimento da cultura…VIVA A CULTURA BRASILEIRA!

 

 

 

 

 

 

 Agradecimentos à todos os participantes da IV Roda de Viola do Bairro Serra.

VIVA A VULTURA BRASILEIRA!

Leia mais
TOPO

IV Roda de Viola do Bairro Serra – 13, 14 e 15 de julho 2012 – Bairro Serra – Iporanga

O Ponto de Cultura “Coisas da Prosa”, a Prosa na Serra e a Associação de Moradores do Bairro Serra, convidam
todos a participar da IV Roda de Viola do Bairro Serra.
BAIRRO SERRA – IPORANGA/SP. Dias 13, 14 e 15 de julho 2012.
P A R T I C I P E!
O Grupo Batucajé do Vale estará presente na IV Roda de Viola do Bairro Serra, com suas poesias e cantos…
encantando nosso lugar!

Grupo Batucajé do Vale

 

Causo do Artesão Barreiro

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-BatucajeDoVale-ArtesaoBarreiro.flv,560,400]

 

Grapo Batucaje do Vale

 

Causo do Baile

 

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-BatucajeDoVale-CausoDoBaile.flv,560,400]

 

Grupo Batucajé de Vale

Causo do Preto Velho

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-BatucajeDoVale-PretoVelho.flv,560,400]

 

Grupo Batucajé do Vale

 

III Roda de Viola do Bairro Serra – Iporanga – julho/2011

Leia mais
TOPO

IV Roda de Viola do Bairro Serra 13, 14 e 15 de julho 2012

Guilherme, Avena e Kauã

 

O Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” está preparando a IV Roda de Viola do Bairro Serra, mais uma vez vamos celebrar a cultura da viola, vai ter Fandango, Romaria de São Gonçalo,  Violeiros, entre outras manifestações culturais, um caldo bom com a tradicionalidade e o novo, uma prosa de gerações. Aqui estão alguns dos vídeos produzidos pela equipe do Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” em parceria com o Ponto de Cultura “Pilar Cultural” – Pilar do Sul-SP da III Roda de Viola do Bairro Serra, acontecida em julho de 2011 no Bairro Serra, Iporanga/SP.

 

Mestre de São Gonçalo - Sr. Pedro

 

Gervásio Claro e Rainer Brito

Gervásio Claro violeiro de Iporanga, autodidata na viola, mestre das melodias do Alto Vale do Ribeira.

Rainer Brito violeiro de Votorantim, estudante da viola e tocador ímpar da viola dinâmica.

Ponteado I

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-GervasioClaroEReinerBrito-Ponteado-1.flv,560,400]

 

Julio Lara e Pedro - Batucaje do Vale - III Roda de Viola do Bairro Serra/Iporanga-SP

 

Batucajé do Vale – a poesia e a música da cultura tradicional do Vale do Ribeira, o grupo apresenta o cerne dos povos  caboclos, quilombolas, caiçaras, pescadores e indígenas em sua musicalidade, neste pedaço do estado de São Paulo chamado Vale do Ribeira.

Causo do Violeiro Caolho

 [FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-BatucajeDoVale-CausoDoVioleiroCaolho.flv,560,400]

 

Batucajé do Vale – Tráfico de Farinha

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-BatucajeDoVale-TraficoDeFarinha.flv,560,400]



Levi Ramiro e Victor Gulin – experimentando a viola

Levi Ramiro – Conhecendo a Viola

 

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-ConhecendoAViola-ComLeviRamiro.flv,560,400]

 

Guilherme/Ponto de Cultura Pilar Cultural

 

Mestres de capoeira

Grupo Emboscada de Capoeira – Sorocaba/SP

 

 

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-Maculele-GrupoEmboscada.flv,560,400]

 

Mestre Pedro

Romaria de São Gonçalo Iporanga/SP

Romaria de São Gonçalo é uma das manifestações mais importantes das comunidades tradicionais do Alto Ribeira. São Gonçalo abençoa a cultura cabocla, quilombola!

 

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-RomariaDeSaoGoncalo.flv,560,400]

 

Congada de São Benedito da Vila Nova Esperança/Eldorado-SP

 Congada de São Benedito de Vila Nova Esperança/Eldorado-SP

Congada, uma manifestação das comunidades negras do Vale do Ribeira. A Congada de São Benedito da Vila Nova Esperança é um trabalho coletivo tendo a frente a Sra. Cinica (familia Nicomedes) que desde menina acompanhava o pai nas lidas da cultura tradicional.

[FLOWPLAYER=https://www.prosanaserra.tk/videos/2012/05/30/RodaDeViola2011-CongadaDeSaoBenedito.flv,560,400]

Leia mais
TOPO

PONTO DE CULTURA “COISAS DA PROSA” participa de lançamento do Catálogo dos Pontos de Cultura do Estado de São Paulo nos dias 16 e 17 de dezembro

Claudio - coordenador Ponto de Cultura "Coisas da Prosa"

A coordenação do Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” participou do Encontro de Pontos de Cultura do Estado de São Paulo, que aconteceu nos dias 16 e 17 de dezembro no Memorial da América Latina, em São Paulo. No dia 18 foi lançado o catálogo dos Pontos de Cultura do Estado de São Paulo.

Claudio - coordenador do Ponto de Cultura "Coisas da Prosa" e Dida - secretário de Cultura de Bertioga

 

CULTURA VIVA

 

CULTURA VIVA - está na pele, no cerebro...

Cultura Viva é isso, um pulsar, “mentes e corações”, e o Ponto de Cultura “COISAS DA PROSA”, acredita nesta vida! Parabéns à todos que respiram e expiram vida à CULTURA VIVA!

Leia mais
TOPO

PROSA NA SERRA conquista o Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” – Bairro Serra Iporanga-SP

PROSA NA SERRA

A entidade Prosa na Serra desenvolve desde 2002 uma ação na região da Serra de Paranapiacaba,  objetivando o fortalecimento da cultura tradicional e o fortalecimento das organizações na região.

Em 2002 iniciou o projeto Cinema Livre onde é exibido filmes nos quintais da comunidade do Bairro Serra, em 2003 foi realizada a I Roda de Viola do Bairro Serra, com a apresentação da cultura da viola, a culinária e o artesanato local.

Em 2004 foi realizada a II Roda de viola do Bairro Serra. Todas as ações visavam a organização e valorização da cultura tradicional.

Em parceria com a Associação dos Moradores do Bairro Serra foi conquistado o Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” em 2009, com inicio do projeto a partir de 2010.

O Ponto de Cultura veio fortalecer toda essa experiência possibilitando as trocas com outras regiões do Vale do Ribeira e o fortalecimento regional destas comunidades que são guardiãs do bioma Mata Atlântica, considerado uma das regiões com maior biodiversidade do planeta.

E somos nós, nativos, indígenas, caboclos, quilombolas, caiçaras que conservam esta região. Meio ambiente com Gente!

PONTO DE CULTURA “COISAS DA PROSA”

O Ponto de Cultura “Coisas da Prosa”  esta localizado no Bairro Serra/Iporanga/SP (Alto Ribeira).

O eixo principal do ponto de cultura é o Cinema Livre, experiência que exibe a sétima arte nos quintais, praças, escolas, das comunidades caboclas e quilombolas de Iporanga.  O cinema encanta os quilombolas e caboclos da região.

Além do cinema Livre o Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” possui um espaço onde realiza o projeto “soletrando d i g i t a l” ação que  veio desencantar o computador, onde comunidade do Bairro Serra tem a possibilidade de ter mais um instrumento de conhecimento, atende as comunidades do alto ribeira, quilombolas e caboclos.

O ponto de cultura é mais um instrumento de luta pelos direitos sociais nesta região. Retrata e documenta a historia do bairro Serra e outras comunidades tradicionais  do alto Vale do Ribeira.

O Ponto de Cultura “Coisas da Prosa” é uma conquista da Prosa na Serra em parceria com a Associação de Moradores do Bairro Serra  e fortalece o trabalho desenvolvido pela entidade desde 2002.

 

Leia mais
TOPO

Puxirando

Puxirando retrata os problemas e as lutas desempenhadas pelas comunidades tradicionais de Iporanga, em prol de seus direitos e da melhoria de vida.

Se passa na cidade de Iporanga, região sul do estado de São Paulo, Vale do Ribeira, onde estas comunidades conservaram e são guardiãs do bioma Mata Atlântica.

A opressão e o desrespeito a essas comunidades, teve inicio com a implantação das unidades de conservação estaduais no Vale do Ribeira como o Petar e o Parque Estadual de Jacupiranga.

O vídeo foi editado pelas próprias comunidades Caboclas e Quilombolas, retrata a luta pelos direitos, seus quereres, sua cultura.

AMBIENTE INTEIRO, COM GENTE!

*puxirão é uma ação coletiva que as comunidades caboclas e quilombolas realizam para o feitio de roças de coivara, construções de moradias, entre outras tarefas.

Leia mais
TOPO

Fora do Leito – Moradores do Bairro Serra

Fora do Leito vídeo documentário que conta a historia das comunidades do Bairro Serra*(1),  seus problemas, suas esperanças…

Declaram sua cultura, sua forma de vida e a maneira como a secretaria do meio ambiente do estado de São Paulo os trata.

“Fora do Leito*(1) – moradores do Bairro Serra”
Produção: Prosa na Serra – 2002/2003
Câmera: Nanci Baptistella (filmado em reuniões no Bairro Serra no ano de 2002)
Edição: Maria Titi Rubio, João Batistella
Apoio: Wagner Zanella, Marcio Moretto, Claudionor Henrique, Elenice Rosa, Marcia Mah, Adriana Sanches, Alexandre, Marcio, Antonio de Pádua, Wilson Lima – gerente do Ibama-SP e todos os moradores do Bairro Serra.

*(1). Bairro rural da cidade de Iporanga/SP
*(2).  Quando o rio não esta em seu leito. Esta fora do leito, sem cultura as pessoas perdem a identidade…a cultura cabocla e quilombola são consideradas fora do leito.

Leia mais